terça-feira, 5 de agosto de 2008

Lembra da historinha dos piratas da areia? Ela voltou!

Na Curva do Rio - parte 3 (eu acho): O fim do Começo

Chegando ao Fórum de Caçapava na manhã de sexta-feira, Aurélio pediu que o investigador Sampaio aguardasse do lado de fora, enquanto conversaria com o Juiz Soares para pedir um mandado para levantar os registros internos da Benevides Areia & Pedra. Ele foi direto à sala do magistrado para saber a razão de enviá-lo para uma diligência que se mostrou mais um trote que uma averiguação de autorizações de funcionamento. Chegando lá, viu o juiz com os cabelos desalinhados, a gravata frouxa e com o paletó do terno jogado perto da porta. Ele resmungava, enquanto colocava suas coisas dentro de uma caixa e em uma maleta aberta. Não era raro um instante em que parava de arrumar as coisas e desferia chutes contra a parede pintada com cal, na cor-de-pêssego.

- Filhos da puta! Cagalhões! Fariseus do Cão! Não acredito que fizeram isso comigo!
- Doutor, o que aconteceu?
- O que aconteceu é que os vendidos da cadeia de comando, não sei por que cargas d´água, resolveram comer merda no café da manhã e cagar na minha cabeça!
- Perdão, senhor?
- Perdão o caralho, você não fez nada. Pelo menos não acho que tenha feito algo. Dá uma olhada nisso aqui. Chegou agora pra mim. Remessa de urgência.

No ofício amassado sobre a mesa, era informado que o Exmo. Dr. Vanderley Lima Soares, juiz da Primeira Vara Criminal de Caçapava, estava sendo transferido para Bauru, no interior do Estado. Segundo os seus superiores, “a excelência e competência de V. Ex.ª serão melhor aproveitadas na cidade de Bauru, uma vez que no Município de Caçapava a taxa de ocorrências é baixa”. No mesmo ofício, anunciava-se a chegada do novo juiz para Caçapava, vindo da cidade de São Manoel.

- Esses desgraçados acham que eu nasci ontem! Isso é coisa daqueles areeiros picaretas! Tão trazendo o esquema todo pra cá!
- Mas por que o Benevides estaria-
- Licenças ambientais. Há algum tempo, é preciso que se obtenha uma autorização da CETESB para que possa se realizar esse tipo de atividade. Você já viu essas fotos aqui?

Enquanto Aurélio examinava as fotografias, Dr. Vanderlei continuava: “se você não prestar atenção, parece que é Marte, ou a Lua, ou qualquer lugar na puta que pariu. Mas não: é onde ficava a fazenda do Borges. Ele veio outro dia e me disse o que os irmãos Benevides estavam fazendo. E eu não acreditei. Se deixar com isso, mais dez anos e não tem mais Rio Paraíba nessa cidade. A água cai direto no buraco que eles tão cavando”.

- Mas se eles não tiverem autorização, eles não seriam impedidos de qualquer maneira? Perguntou Aparecido.
- Seriam, mas pra isso seria necessário o magistrado local ordenar o lacre das bombas e os mandados de segurança. E como eles sabem que eu não iria deixar barato...
- Te colocaram na geladeira.
- Geladeira porra nenhuma. Mandaram-me pra Bauru. Você faz alguma idéia de como é quente naquela merda de lugar? E não tem um rio, uma cachoeira naquela bosta. Precisaria ir até Brotas, que é uma barbaridade de longe.
- E o que acontece com a gente?
- Bom... você pode ficar tranqüilo que o seu estágio aqui no Fórum continua, sem problema algum. Você passa pro Juiz da Vara Cível, vai cuidar de casamentos, posses, essas coisas.
- Já que estamos todos na merda, por que não vamos tomar uma cerveja na Terezinha?
- É o jeito.
- Alguma dica antes de partir?
- Sim. Nunca dependa de quem estará sentado aqui. Porque ele vai ser qualquer coisa, menos um juiz. Escreve o que eu estou te dizendo.

2 comentários:

saddam gos disse...

isso tá me dando umas idéias

saddam gos disse...

http://navecaiu.blogspot.com/