segunda-feira, 3 de Março de 2008

"Autor de Pornô Nerd", de Ernest Cline - traduzido e com alguams adaptações, por seu criado.

Na foto, a atriz Summer Glau, que interpreta a "T-800" Cameron, na telessérie "O Exterminador do Futuro: As Crônicas de Sarah Connor" (Puta que pariu, como ela é nhui!), e a musa-dos-nerds-e-vesguinha Kristen Bell, com o "Biquíni Dourado" da Princesa Leia Organa (de Star Wars, claro) em seu novo filme, "Fanboys" (Judão ficaria feliz se visse isso...)

***

"Autor de Pornôs Nerds", por Ernest Cline

Eu notei que não parece haver muitos filmes pornôs que são feitos para caras como eu.

Todos os filmes de putaria que eu vejo são mirados para machos-alfa-bebedores-de-cerveja-em-bares-de-esportes, caras que gostam de suas mulheres burras e submissas, caras que só gostam de meter com ninfetas monossilábicas famintas por pica, com peitos do tamanho de melões e três palavras no vocabulário.

Filmes adultos são povoados dessas mulheres feitas com lipoaspiração e injeções de colágeno, muitas que recorreram à cirurgia e auto-mutilação, numa tentativa de se parecer do jeito que lhe pediram para aparecer.

Essas não são mulheres. São objetos. E esses filmes não são eróticos, são patéticos. Essas coelhinhas-cabeças-ocas-trepadeiras não me atraem. Me enojam. E não é porque eu sou contra pornografia. Quero dizer, sou um homem. E homens precisam de pornô. É um fato: "Como um pastor precisa de dor, como uma agulha precisa de uma veia", homens precisam de pornô.

Mas eu não quero essa pornografia machona, misógina, que odeia as mulheres. Eu quero filmes pornôs que são feitos para caras como eu: caras que sabem que a coisa mais tesuda do mundo é uma mulher que é mais esperta que você.

Você pode comer todo o "time de cheerleaders", mas eu quero a garota com suéter e óculos de tartaruga, Betty Finnebowski, a sabichona. Oh, sim. Eu quero copiar a lição de Trigonometria dela, e então fazer um amor louco e apaixonado com ela, por horas e horas, até que ela relutantemente pede pra parar, porque não quer perder Battlestar Gallactica. "Summa cum Laude", meu bem! Isso é o que eu chamo de erótico.

Mas você acha esse tipo de mulher num filme adulto comum? Não. Por isso que eu vou começar a escrever e dirigir um Pornô Nerd. Eu serei a quintessência do Cinema Pornô Nerd. E as mulheres nos meus filmes serão do tipo que levarão os nerds como eu à loucura e ao desejo.

Estou falando sobre as garotas que costumavam foder com a "curva de aprendizado". As garotas do Clube de Latim e do Projeto de Extensão Universitária. Gatas com roupas estranhas, aparelhos nos dentes, quatro-olhos e que estão em primeiro lugar no ranking de notas da faculdade. Ratas de biblioteca, com Currículos LATTES e chips nos ombros.

Minhas estrelas pornôs virão em todos os tamanhos e estilos. Minhas estrelas pornôs estarão ocupadas demais trabalhando no TCC para ir à academia.

Em meus filmes pornôs, as garotas nem precisarão ficar peladas. Elas levarão os caras à sala de audiovisual e surrarão eles no xadrez, e então falarão por horas no Princípio da Inconstância de Heisenberg, e mesclando metáforas sociais nos filmes do Alien.

Compre ações em companhias de creme pra mãos, porque vai haver escassez no mercado...

E não estou falando só de pornô hétero. Não mesmo. Tem que haver filmes de putaria para meus irmõs nerds de todas as orientações sexuais. Filmes pornôs-gay-nerds como "Caverna do Drag-queen".

Essa idéia é uma mina de ouro. Eu farei milhões. Porque no país inteiro existem milhares de programadores e engenheiros mecatrônicos, e eles não possuem a satisfação que realmente precisam. E você pode ajudar...

Se você é uma mulher inteligente, interessada em entrar para a indústria do cinema adulto, e pode dizer o nome do planeta natal de Luke Skywalker, então você está dentro. Não importa se você acha que está acima do peso ou não é atraente. Não importa se acha que não é bonita. Você É bonita...

E eu farei de você UMA ESTRELA.

***

ERNIE CLINE é comediante, blogueiro, programador de computadores, nerd, e autor do roteiro do filme "Fanboys", no qual a musa-dos-nerds-e-vesguinha Kristen Bell é uma das beldades participantes.

N.A.: Caso digam "André, sua besta, elas não são nerds, são apenas mulheres que estão na cultura nerd", eu replico: quem mais, em santo juízo, teria na bagagem trabalhos como "The 4400", "Serenity - a Luta Pelo Amanhã", "Veronica Mars", "Heroes" e um seriado spin-off do Exterminador do Futuro? Se fosse uma "Alpha-Beta Girl", e não uma "Tri-Lamb Girl", teria feito uma coisinha e chispado, como a Jennifer Garner fez.

3 comentários:

Long John Silver disse...

Realmente, caro Diniz, isso seria uma revolução, ou melhor, Evolução.
Não me agrada em nada a filosofia da mulher "pedaço-de-carne", portadora de vagina e seios.
Baseado nas idéias do Veríssimo, pra mim Mulher-que-é-Mulher fala, pensa, trabalha, estuda, trepa; e tudo isso com classe malandro!

Sil disse...

Seria mesmo uma evolução...acho q a primeira a aparecer deveria ser a Velma do scooby... enfiaram ela naquele moleton gigante e a Daphne bobinha q aparecia de bonitinha...foi a primeira mulher nerd injustiçada...rs

Deco Ica disse...

É, as "nerds" realmente tem seu charme, e eu falo com conhecimento de causa, por já ter gostado de algumas. Acho que é o lance de saber que, após uma boa trepada, você terá boas possibilidades de manter um diálogo agradável, coisa dificil no mundo cada vez mais fútil de hoje em dia.

Mas jogar xadrez e discutir Star Wars seria muito chato...