sábado, 3 de março de 2007

Who is Xyka?


Não quero me perder em descrições de minha felicidade. Felicidade de ter uma garota tão completa do meu lado.

Mas a felicidade resolveu tirar uma folga por esses dias quentes de começo de vida, já que estou fisicamente (e apenas fisicamente) separado da minha companhia de xamego, piadas e esquetes de "My Wife and NO Kids".

Questão de tempo, eu lhe digo. Questão de tempo.
Sem ela não haveria Serial Experiments: Lain; não haveria pimentão. Não haveria coberturas na Vila Madalena. Não existiria montagens de Photoshop, torta de cebola e filmes em boa companhia às quatro da manhã. E essas são as coisas que eu ainda posso colocar à vista do público mexeriqueiro da internet.
E ah, feliz aniversário, amor...

***

E, para manter a tradição da coisa toda, uma cancioneta para animar os corações.

Quero Ser Seu Homem
Nasi
fonte:
http://letras.terra.com.br

Não quero me casar apenas quero ser seu homem
Não quero me casar apenas quero ser seu homem
Porque o que é meu é teu e o que é teu o bicho não come
Porque o que é meu é teu e o que é teu o bicho não come
Não quero me gabar apenas quero ser sincero
Não quero me gabar apenas quero ser sincero

E nada mais importa.
Sinceridade eu espero
E nada mais importa.
Sinceridade eu espero

-E aí cara o que que foi?
-Aí cara, tô mal!
-Não, não!Não fica assim!
Não fica doente pela paixão!
A mulher é como uma sombra:
Se você corre atrás, ela foge!
Se você foge, ela corre atrás!


Não quero me casar apenas quero ser seu homem
Não quero me casar apenas quero ser seu homem
Porque o que é meu é teu e o que é teu o bicho não come
Porque o que é meu é teu e o que é teu o bicho não come
Não quero me gabar apenas quero ser sincero
Não quero me gabar apenas quero ser sincero

E nada mais importa.
Sinceridade eu espero
E nada mais importa.
Sinceridade eu espero

3 comentários:

xyka disse...

ahhhhhhh preto!!!!

que saudade de vc.
tô ficando doida. =(

volta logo! vem me ver.. snif.

te amo.

Deco Ica disse...

O amor é uma coisa linda, é uma flor no meio do asfalto.

Eu desejo que entre vocês sempre exista carinho e amizade.

Parabéns Chiquita!

P.H. disse...

Que post gay, hein ô! Hahahahaha!!