sexta-feira, 10 de dezembro de 2004

"Salary Man". Chegando ao auge.

Olá, São Paulo. Olá, congestionamento. Olá, buracos em tudo quanto é lugar. Olá, fumaça. Olá, trapezista de farol. Nove e vinte da manhã, numa segunda-feita. Pedir demais ao meu carma que tudo fosse uma maravilha. Cheguei no prédio e bati no apartamento da Cíntia. Demorou um pouco pra ela atender, já que ela ainda estava na cadeira de rodas. Um barato muito sinistro que aconteceu com ela fazia uns meses, um lance com o ex-namorado dela. Depois disso ela se mudou para meu apartamento. Ela era legal, conversávamos sobre muitas coisas, eu falei com ela sobre as palhaçadas que eram as minhas noites com a Tânia.

- Seu Pepe.
- Valeu, Ciça. Espero que ele não tenha enchido o saco.
- Não esquenta não, eu curto esses bichinhos. Quase não me pega aqui. Tava indo pra físio.
- E aí, quando a gente vai sair pra requebrar de novo?
- Logo, logo.

- Juca, quem é essa guria?
- Outro dia eu explico.

Peguei os recados da Tina, a Secretária Eletrônica que nunca funcionava. Nada de muito especial, aquelas coisas de sempre.

"Prezado Cliente... Até o momento não registramos o recebimento...."
Certo. Grandes bostas. Próximo.

"Juca, seu porra! Aqui é seu tio Raul, me liga se chegaram inteiros. Depois coloca o Alan na linha pra gente ver o que ele achou de ter um pouco de realidadde.... hahahahahaha....."

- Alan, tem recado para ti.
- Quem?
- Teu velho. Quer que ligue pra ele depois.
- Que horas são?
- Dez pras dez.
- Ele não tá acordado. Ligo mais tarde. Ontem foi o aniversário dele, e conhecendo o velhote ele deve pelo menos ter fumado alguns.
- Engraçado... Você ser filho de um hippie e ser assim...
- Queria o quê? Que eu fosse um ruivo cabeludo que vive tocando viola?
- Caramba, pessoas não suportam críticas construtivas...

Próximo.
"Juca, seu PORRA! Tá me devendo quatrocentos reais e não me paga faz um mêS! Aqui é o Aoki, eu quero o meu dinheiro!"

Tenho que ver isso. Próximo. O último.

"José Carlos, aqui é o Carlos Pereira Marques da Marques & Marques Auditorias. Soubemos que você foi dispensado recentemente e gostaríamos que você viesse ao nosso escritório na Rua Joaquim Modesto, número 456 sala 409 para tratarmos de assuntos de seu interesse. Acreditamos que você é um profissional competente e que seus talentos serão muito bem aproveitados."

- Alan, aguenta aí que eu tenho que dar uma saída. No mais tardar estou de volta no meio da tarde.

(....)

- Alan, consegue aparentar que tem dezoito?
- Se eu ficar de boca fechada...
- Hoje tu vai saber o que é vida de verdade.
- Onde?
- Shinjuku.


Continua no Próximo Episódio.

Sem comentários: